Horizonte

Umbra profunda Ao se afastar o suficiente da Terra, chegamos ao Horizonte. O Horizonte não é meramente o espaço vazio que os Tecnocratas dizem ser tudo o que existe entre os planetas e estrelas; este é só uma manifestação do Horizonte no Mundo Material; o Horizonte existe de fato além da Película.

Associados a cada Esfera, existe um Reino-Fragmento, além do Horizonte. Cada um destes “projeta” nele um chamado Reino-Sombra, conhecidos pelos Adormecidos e Tecnocratas como “planetas”.

O Horizonte Próximo é como uma Película, na altura da órbita da Lua. Nele encontramos os Reinos do Horizonte e Construtos. Mais adiante começa o Horizonte Verdadeiro, que se extende até o cinturão de asteróides; inclui os Reinos-Sombra de Correspondências, Vida e Forças. Após os asteróides começa o Horizonte Distante, um deserto imenso que se extende até a borda do Sistema Solar, e serve de proteção da Trama contra o que vem de fora. Aqui estão os Reinos-Sombra de Primórdio, Matéria, Tempo, Espírito e Mente.

Além da órbita de Netuno, o Horizonte abre espaço para a Umbra Profunda, que se expande até o infinito. O Reino-Sombra de Entropia, o mais distante dos nove, está aqui, além do Horizonte.

Voltar para Cosmologia

Horizonte

Horizontes Monstah Monstah